Author

Samira Germano

Browsing

A CIE estudantil é um direito de todos os estudantes brasileiros e deve ser acessível a todos. Logo, para que os estudantes que não tem condições de adquirir a CIE – carteira de identificação estudantil – possam ter o benefício da meia-entrada estudantil, surgiu o ID Jovem. Ele é um outro documento destinado a jovens de baixa renda e tendo o ID Jovem, esses estudantes podem pedir a CIE estudantil grátis. Vamos te explicar qual o passo a passo e também, a importância da carteirinha de identificação estudantil.

O que é o ID Jovem

O ID Jovem (Identidade Jovem) é o documento que possibilita aos estudante de baixa renda terem vagas gratuitas ou com desconto no sistema de transporte coletivo interestadual. Além disso, também podem utiliza-la para comprar ingressos com desconto. E ela é destinada a jovens brasileiros entre 15 e 29 anos sem a necessidade de estarem estudando. Apesar do ID Jovem ser uma boa opção para conseguir desconto em ingressos; apenas o Documento do Estudante está previsto na Lei da Meia-Entrada. Dessa forma é essencial que você tenha ele para ter certeza que terá seu direito à meia garantido em todos os locais.

Passo a Passo de como fazer seu ID Jovem

  • Acesse o site https://idjovem.juventude.gov.br/ ou baixar o app ID Jovem
  • Preencha com as informações solicitadas como dados para contato, foto para personalizar o documento, nome da mãe, nome completo do jovem e NIS
  • Aguarde. Seu documento será gerado na hora. No caso do aplicativo, seu documento será digital e quando for comprar passagem usando-se do benefício ou quando for comprar meia-entrada só precisa apresentar o cartão no aplicativo. No caso de estar usando o site oficial aí é necessário imprimir o documento para ser usado no momento da compra.

O que é o NIS?

É o Número de Identificação Social. Sendo um código utilizado para identificar individualmente os usuários do CadÚnico. Apenas com o NIS é possível emitir a ID Jovem. Quem não possui o NIS e se enquadra nas regras para inscrição no CadÚnico, deverá dirigir-se ao CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) ou à Prefeitura de sua cidade para realizar sua inscrição.

Como encontrar seu NIS

O jovem que não souber o seu código NIS pode encontrá-lo no Cartão Cidadão, no extrato do FGTS ou na sua Carteira de Trabalho. Se a dúvida persistir ele pode consultar o NIS em alguma agência da Caixa Econômica Federal. No entanto, buscando facilitar a vida do jovem, o próprio site ID Jovem onde você fará seu cadastro, há um link para fazer a consulta do NIS. O sistema de busca se chama Consulta Cidadão e reporta o Número de Identificação Social por intermédio de alguns dados pessoais.

CIE estudantil grátis usando o ID Jovem

Se você possui ID Jovem você pode fazer o Documento do Estudante gratuitamente. Para isso basta fazer o cadastro no site documentodoestudante.com.br , não efetuar o pagamento, enviar para o sae@documentodoestudante.com.br o número da solicitação e a imagem do ID Jovem e aguardar resposta da DNE para seguir com a solicitação gratuita.

Esperamos que esse artigo tenha lhe ajudado e respondido suas dúvidas sobre a carteira de identificação estudantil – cie. Nos deixe um comentário!

Renovar a sua CIE – carteira de identificação estudantil – é muito simples e prático. Essa renovação pode ser feita em qualquer momento do ano. Esse processo é necessário pois a CIE tem uma validade de 1 ano aproximadamente, ou seja, ela vale até 31 de março do ano seguinte. Esse prazo pode parecer um pouco incoerente visto que deveria valer até que o estudante terminasse sua formação na instituição de ensino.

Por que a carteira de identificação tem validade?

Esse prazo foi formalizado com a Lei 12.933 de 2013 que tem o objetivo de indicar as condições para a concessão e compra da meia-entrada; também indica que a carteira de identificação estudantil deve ser apresentada para que o estudante possa comprar a meia-entrada estudantil.

A Lei 12.933/2013 estipula que a Carteira de Estudante sempre terá validade até 31 de março do ano seguinte ao solicitado. Por essa razão, o estudante precisa efetuar a renovação para  continuar a ter direito ao benefício. Essa data  pode parecer um pouco “injusta” em um primeiro momento, mas ela tem um porquê.

Além de ser algo pedido previsto na própria lei, a validade é até março pois é nessa época que acontece as matrículas nas instituições de ensino. E por isso, precisamos ter certeza de que o aluno que já teve a Carteira de Estudante continua sendo um estudante. Já pensou que injusto se o estudante parasse de estudar mas continuasse a ter o benefício da meia-entrada estudantil ?

Como fazer a renovação da CIE?

  •  Acesse sua conta criada anteriormente: primeiro, acesse o site e faça o login com seu e-mail e senha cadastrados;
  • Na tela ‘Detalhes da Solicitação’ clique no botão ‘Renovar Documento’;
  • Confira todos os seus dados e faça o upload da foto, do documento de identificação e do comprovante de matrícula;
  • Enfim, é só realizar o pagamento da solicitação (documento + frete) usando o cartão de crédito ou boleto bancário.

Assim como na primeira solicitação, após a confirmação do pagamento (entre 2 e 5 dias úteis), os documentos enviados serão aprovados em até 2 dias úteis. Depois o Documento Provisório DNE estará liberado para uso até a carteira de estudante 2020 definitiva chegar ao endereço cadastrado pelo estudante.

Importante da meia-entrada estudantil

Esse benefício é um direito seu! E conforme indicado na Lei da Meia-Entrada, deve ser estendido a todos os estudantes. A meia colabora com a vida do estudante brasileiro e alia mais cultura e lazer à sua formação tradicional, enriquecendo suas vivências e experiências.

Art. 1º É assegurado aos estudantes o acesso a salas de cinema, cineclubes, teatros,
espetáculos musicais e circenses e eventos educativos, esportivos, de lazer e de
entretenimento, em todo o território nacional, promovidos por quaisquer entidades e
realizados em estabelecimentos públicos ou particulares, mediante pagamento da metade do
preço do ingresso efetivamente cobrado do público em geral.

Sua meia-entrada é garantida com o ID Estudantil, e ainda, com o ID Jovem você pode ter sua carteira de estudante digital gratuitamente. Se você possui ID Jovem você pode fazer o Documento do Estudante gratuitamente.
Para isso basta fazer o cadastro no site documentodoestudante.com.br , não efetuar o pagamento, enviar para o sae@documentodoestudante.com.br o número da solicitação e a imagem do ID Jovem e aguardar resposta da DNE para seguir com a solicitação gratuita

Agora você já sabe a importância do seu benefício e também como renovar a sua carteirinha de identificação estudantil!

Também conhecida pela sua sigla (CIE) a Carteira de Identificação Estudantil é necessária para que você, estudante, possa comprar ingressos pagando meia. Ela é a unica que assegura que você irá pagar meia em cinemas, teatros, shows, jogos, exposições, teatro… enfim, vários eventos de esporte, arte e cultura no geral.

CIE e a Leia da Meia-Entrada

Mas você sabe qual lei regulamenta esse seu direito? É a Lei da Meia-Entrada, ela é responsável por formalizar e indicar o que é necessário para que a carteira de estudante possa ser confeccionada – e também, comprada.

Segundo o artigo nº 2 da Lei da Meia-Entrada (12.933):

Terão direito ao benefício os estudantes regularmente matriculados nos níveis e modalidades de educação e ensino previstos no Título V da Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que comprovem sua condição de discente, mediante a apresentação, no momento da aquisição do ingresso e na portaria do local de realização do evento, da Carteira de Identificação Estudantil (CIE), emitida pela Associação Nacional de Pós-Graduandos (ANPG), pela União Nacional dos Estudantes (UNE), pela União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes), pelas entidades estaduais e municipais filiadas àquelas, pelos Diretórios Centrais dos Estudantes (DCEs) e pelos Centros e Diretórios Acadêmicos, com prazo de validade renovável a cada ano, conforme modelo único nacionalmente padronizado e publicamente disponibilizado pelas entidades nacionais antes referidas e pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), com certificação digital deste, podendo a carteira de identificação estudantil ter 50% (cinquenta por cento) de características locais.

Quantos ingressos meia-entrada devem ser vendidos por evento?

Na Lei da Meia-Entrada também está formalizado o que é dever das produtoras de eventos. A lei diz que todos os produtores de eventos devem disponibilizar a meia-entrada para todas as pessoas que tem direito a ela. É relevante que, caso a produtora queira estender a meia-entrada para todo o público; o estudante e demais beneficiários da meia, ainda assim devem pagar meia-entrada. Em outras palavras; metade da metade do preço que está sendo vendido para todo o público.

Ademais, por lei todos os cinemas são obrigados a destinar 40% do total de ingressos para a meia-entrada. No caso da meia entrada estudantil, os cinemas aceitam apenas quando o estudante apresenta a carteira de estudante.

Art. 1o  É assegurado aos estudantes o acesso a salas de cinema, cineclubes, teatros, espetáculos musicais e circenses e eventos educativos, esportivos, de lazer e de entretenimento, em todo o território nacional, promovidos por quaisquer entidades e realizados em estabelecimentos públicos ou particulares, mediante pagamento da metade do preço do ingresso efetivamente cobrado do público em geral.

Toda essa regulamentação todo um motivo. A lei foi implantada visando acabar com a falsificação das carteiras de estudante que vinham acontecendo durante anos. Isso porque era muito fácil apresentar uma carteirinha qualquer e dizer que ela era de alguma faculdade ou escola. Assim, as pessoas usavam o benefício da meia-entrada estudantil sem ter direito a ele. Com a altíssima demanda as produtoras se viram obrigadas a vender todos os ingressos mais caros para não ter prejuízo.

Garanta o seu benefício com a carteira de identificação estudantil CIE

A carteira nacional de identificação estudantil é a famosa “carteirinha de estudante” e está prevista na Lei da Meia-Entrada. Ou seja, a carteira é essencial para que você possa comprar ingressos pagando meia. Nesse artigo vamos te mostrar como funciona  – e o que diz essa lei. E também, como fazer a sua carteira de identificação estudantil.

Conhecida também como CIE, a carteira nacional de identificação estudantil é regulamentada pela lei 12.933 e especifica que o aluno deve estar regularmente matriculado. Essa lei também indica que a carteira de identificação estudantil pode ser feita pelas organizações estudantis de nível nacional (UNE, UBES e ANPG). Também aponta que entidades estudantis municipais filiadas à nacionais, como também DCEs e CAs também podem emitir a CIE. Todos porém, devem obedecer ao padrão nacional – que é estabelecido por nós – e também às especificações técnicas do ITI.

Terão direito ao benefício os estudantes regularmente matriculados nos níveis e modalidades de educação e ensino previstos no Título V da Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que comprovem sua condição de discente, mediante a apresentação, no momento da aquisição do ingresso e na portaria do local de realização do evento, da Carteira de Identificação Estudantil (CIE), emitida pela Associação Nacional de Pós-Graduandos (ANPG), pela União Nacional dos Estudantes (UNE), pela União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes), pelas entidades estaduais e municipais filiadas àquelas, pelos Diretórios Centrais dos Estudantes (DCEs) e pelos Centros e Diretórios Acadêmicos, com prazo de validade renovável a cada ano, conforme modelo único nacionalmente padronizado e publicamente disponibilizado pelas entidades nacionais antes referidas e pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), com certificação digital deste, podendo a carteira de identificação estudantil ter 50% (cinquenta por cento) de características locais.

A CIE vale por um ano?

Sabemos que parece lógico a carteira nacional de identificação estudantil ter validade de um ano porém ela não é como um cartão tradicional. A CIE atesta que a pessoa que a possui é estudante no momento em que possui e em que utiliza a carteira. Por isso o período de matrícula na instituição de ensino é muito importante. E qual esse período? Algumas começam em janeiro, já outras em março mas uma coisa é certa. De março não passa!

Por isso, a validade da carteira de identificação estudantil DNE é até 31 de março do ano posterior ao que o estudante fez a solicitação do documento. Ou seja, pedindo a sua carteira em janeiro de 2020 ela vale até 31 de março de 2021. Isso está prescrito na Lei da meia-entrada e serve para ser o mais justo possível com todos os estudantes e evitar que quem não possui o benefício da meia-entrada esteja utilizando-o.

Como fazer a carteira de identificação estudantil

São passos simples e bem rápidos que garantem a sua meia-entrada. Todo o processo é feito online e entregamos a sua carteira na sua casa – ou em qualquer outro endereço que você prefira como no seu trabalho ou na casa de algum familiar por exemplo.

  • Faça seu cadastro no site: crie uma conta com um e-mail que você use com frequência e uma senha de fácil memorização. Você pode também entrar direto com seu Facebook – nesse caso o e-mail que usaremos para entrar em contato com você é o mesmo e-mail que você usou para fazer sua conta no Face.
  • Pagamento: para aproveitar todos esses benefícios você paga apenas uma vez R$ 35,00 + frete (calculado de acordo com o CEP e modalidade de entrega);
  • Carregue os documentos: é bem fácil basta separar os documentos pessoais obrigatórios – documento pessoal como RG, CPF, CNH, RNE; comprovante de matrícula e uma foto – e aguardar a aprovação, que pode demorar até 48h em dias úteis.
  • Acompanhamento: depois de feito o pagamento e já logado no site, na aba “detalhes de entrega” você tem acesso ao código de rastreio dos Correios ou, se for via transportadora, os dados aparecerão na tela. Talvez demore um pouquinho para o site da transportadora ou os correios terem as informações atualizadas e colocadas no site, mas fique tranquila que seu documento chegará até você;
  • Entrega: o prazo de entrega varia dependendo da região e da modalidade de entrega. Na média é entregue em 10 dias úteis após aprovação do pagamento. Porém, assim que seus documentos pessoais são aprovados você já tem acesso a uma carteirinha provisória que pode ser usada até a definitiva chegar;
  • Validação: após desbloquear seu documento no site, ele tem validade até o dia 31/março do ano seguinte da emissão

Esperamos ter te ajudado com esse artigo! Solicite agora a sua carteira nacional de identificação estudantil CIE!

A carteirinha de estudante é essencial para você estudante ter meia-entrada no Brasil inteiro. Ela é original das entidades estudantis nacionais; UNE, UBES e ANPG. Com ela você garante a sua meia em eventos de arte, esporte e cultura como por exemplo: jogos de futebol, cinema, exposições, palestras, teatros, parques, shows e muito mais!

Como saber se o DNE é uma carteira oficial

Alguns elementos presentes no visual da carteirinha são importantes para validá-la. Já quanto aos parâmetros tecnológicos, a nossa carteirinha atende aos critérios do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação. Pois tendo em vista a Lei 12.933/13 cabe unicamente ao ITI  padronizar a CIE para a aplicação da certificação digital ICP-Brasil. Toda carteirinha deve ter os seguintes dados do usuário:

  • Foto do aluno
  • Nome completo
  • Número de RG e CPF impressos na carteirinha
  • Data de nascimento
  • Nome do curso e da instituição de ensino

Também possuímos alguns elementos adicionais que conferem mais segurança ao documento do estudante:

  • Certificação Digital padrão ICP Brasil
  • Fundo com efeito numismático
  • Marca com tinta invisível

A Carteirinha de Estudante é válida até 31 de março do ano seguinte da emissão. Isso porque é em marco que acontece as matrículas nas entidades educacionais. Dessa forma temos a certeza de que quem está solicitando e utilizando o DNE realmente possui direito ao benefício da meia-entrada.

  • QR Code: é um sistema instituído pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação – ITI.  Que comprova a certificação digital do documento e pode ser lido pela instituição promotora do evento. Esse sistema se chama certificado de atributo e está contido no QR Code. O certificado de atributo é quando uma instituição atribui legitimidade digital ao documento. Assim, as prerrogativas legais e técnicas são garantidas ao produto:  integridade, autenticidade, não-repúdio e valor legal.

As demais entidades estudantis nacionais como nós, são as responsáveis por padronizar todos os outros elementos. Sendo eles layout, cores e símbolos do modelo único de carteirinha do estudante, sendo eles:

  • Trama anti scanner
  • Microletras
  • Logo das entidades estudantis encarregadas junto da assinatura de seus respectivos presidentes (as): UNE, UBES, ANPG e logo da OCLAE (entidade dos estudantes da América Latina).

Todos os referidos elementos auxiliam no cumprimento da lei e garantem que apenas quem estuda tenha a meia-entrada estudantil. Agora vamos te mostrar como é fácil e rápido fazer sua carteirinha de estudante.

Quais informações e documentos são necessários para fazer o DNE

  • 01 foto de rosto recente digitalizada (como você usa no seu RG). Pode ser uma selfie desde que não tenha outras pessoas na sua foto e que não tenha acessórios dificultando o reconhecimento.
  • 01 documento de identificação como RG, CNH, RNE ou passaporte;
  • 01 comprovante de matrícula no ano vigente (pode ser a declaração de escolaridade fornecida pela sua instituição de ensino ou mesmo boleto da mensalidade do ano atual.

Para digitalizar seus documentos, é só escaneá-los ou tirar uma foto com a câmera do seu próprio celular.  Bem prático, não é? Não gostamos de burocracia.

Faça sua carteirinha de estudante online!

  • É bem fácil, acesse ao site do Documento Nacional do Estudante
  • Faça um cadastro usando um e-mail que você acesse com frequência – é por ele que nós vamos estar em contato com você.
  • Efetue o pagamento e, assim que ele for aprovado, envie os documentos necessários
  • Espere sua carteirinha de estudante chegar no conforto do seu lar! E enquanto isso você pode pegar sua carteirinha de estudante provisória em nosso site e ir utilizando-na enquanto seu DNE não chega na sua casa.

A Carteirinha de Estudante online grátis para imprimir é disponibilizada por nós depois que seus documentos são aprovados. Funciona da seguinte forma, você faz a solicitação normalmente – lembre-se de se cadastrar em nosso site com um e-mail que você use com frequência – e efetue o pagamento. Depois fique atenta ao seu e-mail pois te avisaremos quando o pagamento for aprovado para você prosseguir com a solicitação. Mas sabe o que é mais fácil? Se você pagar com cartão de crédito você nem precisa esperar. A compensação bancária é feita na hora e você já pode fazer nos enviar os documentos necessários. Já com o pagamento por boleto a compensação bancária pode demorar até 5 dias úteis.

Os documentos que você deve carregar no site são:

  • foto 3×4, que pode ser uma selfie sua. Desde que você apareça sozinha, sem acessórios dificultando o seu reconhecimento (por exemplo óculos de sol).
  • Você também deve nos enviar uma foto de um dos seus documentos pessoais: CPF, RG, CNH, Carteira de Trabalho ou RNE caso você tenha nascido em outro país e possua o RNE.
  • Comprovante de matrícula da sua instituição de ensino.

Depois que você enviar seus documentos nós precisamos de um tempinho para conferir a autenticidade e nitidez de cada um deles. Para tanto, nosso prazo de conferência é de 48h em dias úteis. Documentação todinha aprovada? Então comece a comemorar com meia-entrada desde já! Nos já te disponibilizamos a sua carteirinha de estudante online na sua área restrita.

Você pode tirar um print e guardar na galeria do celular ou pode imprimi-la. Ela tem validade de 30 dias corridos e serve para você ir pagando meia enquanto o Documento do Estudante não chega na sua residência. Ah e depois que ela chega, a carteira de estudante online perde sua validade automaticamente – afinal, a sua definitiva já chegou!

Sua meia-entrada é garantida com o ID Estudantil, e ainda, com o ID Jovem você pode ter sua carteira de estudante digital gratuitamente. Se você possui ID Jovem você pode fazer o Documento do Estudante gratuitamente.
Para isso basta fazer o cadastro no site documentodoestudante.com.br , não efetuar o pagamento, enviar para o sae@documentodoestudante.com.br o número da solicitação e a imagem do ID Jovem e aguardar resposta da DNE para seguir com a solicitação gratuita

Meia-Entrada garantida para você!

A meia-entrada é um direito garantido por lei a todos os estudantes brasileiros. O beneficiados tem o direito de pagar 50% do lavor da entrada inteira. Segundo a Lei a n° 12.933 da Meia-Entrada, todas as promotoras de eventos devem reservar 40% do total de ingressos para a meia-entrada, inclusive a estudantil.

Art. 1o  É assegurado aos estudantes o acesso a salas de cinema, cineclubes, teatros, espetáculos musicais e circenses e eventos educativos, esportivos, de lazer e de entretenimento, em todo o território nacional, promovidos por quaisquer entidades e realizados em estabelecimentos públicos ou particulares, mediante pagamento da metade do preço do ingresso efetivamente cobrado do público em geral.

A Carteirinha Nacional (documento legalmente conhecido como “Carteira de Identificação Estudantil (CIE))” surgiu em 2013 com a Lei Federal nº 12.933. Da mesma forma, neste mesmo ano foi criado o “Estatuto da Juventude” (Lei Federal nº 12.852/2013) o qual discorre sobre os direitos dos jovens e as políticas públicas voltadas para eles. Inclusive sobre o seu direito ao documento do estudante!

A Lei da Meia-Entrada trata especificamente da meia-entrada estudantil e prevê um modelo unificado, nacionalmente, e regulamentada pelas entidades estudantis como a UNE ( União Nacional dos Estudantes). Como também pela Associação Nacional de Pós-Graduandos (ANPG), pela União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) e pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI).

Solicite agora mesmo a sua  carteirinha de estudante!

A carteirinha de estudante é um direito de todos os estudantes brasileiros e deve ser acessível a todos. Por isso, estudantes que possuem o ID Jovem, e que portanto, são de baixa renda, podem ter o Documento do Estudante sem custo algum. Vamos te explicar qual o passo a passo e também, a importância da carteirinha de estudante.

O que é o ID Jovem

O ID Jovem (Identidade Jovem) é o documento que possibilita aos estudante de baixa renda terem vagas gratuitas ou com desconto no sistema de transporte coletivo interestadual. Os jovens também podem utiliza-la para comprar ingressos com desconto. E ela é destinada a jovens brasileiros entre 15 e 29 anos sem a necessidade de estarem estudando. Apesar do ID Jovem ser uma boa opção para conseguir desconto em ingressos; apenas o Documento do Estudante está previsto na Lei da Meia-Entrada. Dessa forma é essencial que você tenha ele para ter certeza que terá seu direito à meia garantido em todos os locais.

Como ter carteirinha de estudante de graça usando ID Jovem

Se você possui ID Jovem você pode fazer o Documento do Estudante gratuitamente. Para isso basta fazer o cadastro no site documentodoestudante.com.br , não efetuar o pagamento, enviar para o sae@documentodoestudante.com.br o número da solicitação e a imagem do ID Jovem e aguardar resposta da DNE para seguir com a solicitação gratuita.

Já deixe preparado os seguintes documentos

  • 01 foto de rosto recente digitalizada (como você usa no seu RG)
  • 01 documento de identificação como RG, CNH, RNE ou passaporte;
  • 01 comprovante de matrícula no ano vigente

Obs: No caso do comprovante de matrícula, pode ser a declaração de escolaridade fornecida pela sua instituição de ensino ou boleto da mensalidade do ano atual.

Para digitalizar seus documentos, é só escaneá-los ou tirar uma foto com a câmera do seu próprio celular.  Bem prático, não é? Não gostamos de burocracia. Acesse o site da Documento do Estudante e solicite sua carteirinha!

Mas afinal, como funciona essa Carteirinha?

Formalmente conhecida como Carteira de Identificação Estudantil (CIE), a Carteirinha de Estudante é seu documento! Sendo assim, ela  é a responsável por garantir seus direitos como estudante; afinal trata-se de um documento e possui todo amparo legal contra fraudes. A Lei Federal nº 12.933 garante o direito à carteirinha de estudante e à meia entrada:

Art. 4o  A Associação Nacional de Pós-Graduandos, a União Nacional dos Estudantes, a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas e as entidades estudantis estaduais e municipais filiadas àquelas deverão disponibilizar um banco de dados contendo o nome e o número de registro dos estudantes portadores da Carteira de Identificação Estudantil (CIE), expedida nos termos desta Lei, aos estabelecimentos referidos no caput deste artigo e ao Poder Público.
  • Ainda não tem ID Jovem? Saiba se você pode solicitar esse benefício!

Requisitos para ter direito ao benefício do ID Jovem

  • A renda mensal total da família do jovem deve ser de até dois salários mínimos. ( (R$1996,00)
  • Estar inscrito no Cadastro Único do Governo Federal
  • Ter as informações cadastrais atualizadas nos últimos 24 meses.
  • Saber o NIS: Você precisa ter em mãos o Número de Identificação Social. Não sabe o seu? Consulte seu Cartão Cidadão, no extrato do FGTS ou na sua Carteira de Trabalho.

Agora você já sabe a importância da carteirinha e também como ter sua carteirinha de estudante grátis! Solicite a sua!

Fazer sua carteirinha de estudante é muito fácil e assim que seus documentos são aprovados você já pode ir aproveitando os benefícios da meia-entrada estudantil. Com a carteirinha você pode comprar meia-entrada em qualquer lugar do Brasil, ou seja, sabe aquela viagem pelo Brasil? Então, você vai poder usar meia-entrada em todos os parques, museus e exposições que você visitar!

Quais documentos você precisa para fazer sua Carteirinha?

  • 1 documento de identificação que pode ser: RG, Passaporte, CNH (Carteira Nacional de Habilitação) ou RNE (Registro Nacional de Estrangeiros);
  • 1 foto 3X4 recente e do mesmo jeito que você usa em outros documentos, ou seja, de frente, com fundo neutro e sem cabelo cobrindo o rosto;
  • Comprovante de Matrícula da sua instituição de ensino (com timbre da faculdade para comprovar autenticidade e atualizado do mesmo ano em que você está solicitando a carteirinha).

Obs.: Os documentos acima devem estar digitalizados. Mas sem neura, você pode escanear eles ou tirar uma foto usando o seu celular. Sim, sem complicações!

O que uma carteirinha de estudante precisa ter para ser válida

Para ser aceita, a carteirinha de estudante DNE deve seguir o padrão nacional estabelecido anualmente.  Também deve conter o QR-Code, selo das entidades estudantis citadas na lei e outros elementos como:

  • Trama anti scanner
  • Microletras

Toda carteira também deve ter obrigatoriamente os seguintes dados do aluno:

  • Foto do aluno
  • Nome completo
  • Número de RG e CPF impressos na carteirinha
  • Data de nascimento
  • Nome do curso e da instituição de ensino

A carteira nacional de estudante também conta com instrumentos adicionais de conferência digital para impedir falsificações. Como a Certificação Digital padrão ICP-Brasil do ITI, tramas de segurança, QR-Code e código de uso.

Você sabe o que é ICP-Brasil?

ICP é a sigla brasileira para PKI – Public Key Infrastructure (Infraestrutura de Chaves Públicas)  e foi criada  partir da Medida Provisória 2200-2 de 2001. e oficializada pelo Decreto 3996 de 2001, bem como pela Lei 11419 de 2006. Também é conhecida como Sistema Nacional de Certificação digital. É uma estrutura composta de um ou mais certificadores denominados de Autoridades Certificadoras – AC que; através de um conjunto de técnicas e procedimentos de suporte a um sistema criptográfico baseando-se em certificados digitais; consegue assegurar a identidade de um usuário de mídia eletrônica ou assegurar a autenticidade de um documento suportado ou conservado em mídia eletrônica.

Como solicitar sua Carteirinha

  • Cadastro online: crie uma conta no site oficial para a comprada carteirinha original. Você pode também entrar direto com seu Facebook;
  • Pagamento: para aproveitar todos esses benefícios você paga apenas uma vez R$ 35,00 + frete (calculado de acordo com o CEP e modalidade de entrega);
  • Carregamento dos documentos: é bem fácil basta separar os documentos pessoais obrigatórios – que explicamos melhor em cima – e aguardar a aprovação, que pode demorar até 48h em dias úteis.
  • Acompanhamento: depois de feito o pagamento e já logado no site, na aba “detalhes de entrega” você tem acesso ao código de rastreio dos Correios ou, se for via transportadora, os dados aparecerão na tela;
  • Entrega: o prazo de entrega varia dependendo da região e da modalidade de entrega. Na média é entregue em 10 dias úteis após aprovação do pagamento. Porém, assim que seus documentos pessoais são aprovados você já tem acesso a uma carteirinha provisória que pode ser usada até a definitiva chegar;
  • Validação: após desbloquear seu documento no site, ele tem validade até o dia 31/março do ano seguinte da emissão.

Solicite a sua carteirinha de estudante agora mesmo!

Você que é estudante sabe que tem direito a um cartão estudante? Ele é válido nacionalmente para a compra da meia-entrada. Exatamente, é com o cartão estudante que você pode comprar ingressos para shows, peças de teatro, cinemas, festivais de música, exposições… enfim, todos os eventos mais legais! Mas sabia que esse cartão não surgiu “do nada”?  Vamos te explicar sobre a Lei da Meia-Entrada e como ela surgiu.

Até 2001 não existia regulamentação para a meia entrada estudantil, na verdade ela mal existia. Após esse ano passou a surgir leis estaduais e, também,  uma medida provisória criada. O cenário o benefício era totalmente confuso porque ninguém sabia direito como funcionava para ter a meia entrada, e, sem uma regulamentação, as fraudes eram inevitáveis. Foi por esse motivo que, em 2013, surgiu a Lei 12.933 que transforma a “carteirinha de estudante” em um documento obrigatório para compra da meia-entrada.

O cartão de estudante é conhecido também pelos nomes:

Apesar de tantos nomes, o cartão de estudante deve ser nacional e atender a várias especificações técnicas – lembra que se trata de um documento previsto em Lei?

Como identificar um cartão de estudante o original?

Infelizmente as fraudes em carteiras de estudante ainda são comuns – sim, mesmo com tanta segurança. Porém estamos cada vez mais investindo em tecnologia para evitar falsificações – e mais ainda, evitar que pessoas que não tem direito à meia-entrada a utilizem.

Elementos presentes no próprio visual da carteirinha são essenciais para validá-la. Como por exemplo, ter um layout padrão nacional, ter foto do aluno e demais dados como RG, CPF, informações sobre a instituição de ensino, código de uso e data de nascimento do aluno.

Além disso, quanto aos parâmetros tecnológicos, a nossa carteira atende aos critérios do ITI (Instituto Nacional de Tecnologia da Informação). Tendo em vista o 2º do Art. 1º da Lei 12.933/13 cabe unicamente ao ITI  padronizar a CIE para a devida aplicação da certificação digital ICP-Brasil.

  • QR Code: comprova a certificação digital do documento e pode ser lido pela instituição promotora do evento. Trata-se de um sistema instituído pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação – ITI. Esse sistema se chama certificado de atributo, que em suma, é quando uma instituição atribui legitimidade digital ao documento. Dessa forma, as prerrogativas legais e técnicas são garantidas ao produto. São elas: integridade, autenticidade, não-repúdio e valor legal.

Quais são os Benefícios?

A meia-entrada foi criada para que o estudante tenha acesso a eventos culturais e artísticos. Visando assim, expandir seus conhecimentos e vivências. De tal forma que você pode usar cartão estudante para praticamente tudo que envolva esporte, lazer e arte.

Quais são os passos para ter meu Cartão Estudante original?

  • Cadastro online: crie uma conta no site Documento do Estudante ou entre direto com seu Facebook. Para fazer sua conta use um e-mail que você acessa com frequência; isso porque ele será o principal canal de comunicação entre a DNE e você.
  • Pagamento: você paga apenas uma vez R$ 35,00 + frete (calculado de acordo com o CEP e modalidade de entrega);
  • Acompanhamento: depois de feito o pagamento e já logado no site, na aba “detalhes de entrega” você tem acesso ao código de rastreio dos Correios. Se for via transportadora, os dados aparecerão na tela. Assim você já se programa para quando sua carteira chegar ir correndo para seus eventos preferidos;
  • Entrega: varia dependendo da região e da modalidade de entrega. Na média, você recebe sua carteira, em 10 dias úteis após aprovação do pagamento. O prazo máximo de entrega é de 30 dias corridos, porém, assim que sua documentação é aprovada nós disponibilizamos um DNE provisório que vale por 30 dias até seu cartão estudante chegar;
  • Validação: após desbloquear seu documento no site, ele tem validade até o dia 31/março do ano seguinte da emissão. Validade de acordo com o artigo 6 da lei da meia-entrada: “A Carteira de Identificação Estudantil (CIE) será válida da data de sua expedição até o dia 31 de março do ano subsequente.”

Sua meia-entrada é garantida com o ID Estudantil, e ainda, com o ID Jovem você pode ter sua carteira de estudante digital gratuitamente. Se você possui ID Jovem você pode fazer o Documento do Estudante gratuitamente.
Para isso basta fazer o cadastro no site documentodoestudante.com.br , não efetuar o pagamento, enviar para o sae@documentodoestudante.com.br o número da solicitação e a imagem do ID Jovem e aguardar resposta da DNE para seguir com a solicitação gratuita

Faça como milhares de estudantes e garanta o sua carteira de estudante!!

Provavelmente você tenha acesso ao benefício da meia-entrada e só não sabe ainda.

Quem tem direito à meia-entrada estudantil? Todo estudantes de ensino fundamental, médio, técnico, graduandos, mestrandos, doutorandos e, também, estudantes de especializações. Para tanto, é necessário que esta categoria tenha e apresente a Carteira de Identificação Estudantil (CIE). Esta carteira é conhecida como: Documento do Estudante o oficial da UNE, UBES e ANPG, que é reconhecido nacionalmente.

Jovens assistindo um filme no cinema

Além dos estudantes, quem mais tem direito à meia-entrada?

Estudantes tem acesso à meia-entrada através da Carteira de Estudante. Além deles, idosos com idade de 60 anos ou acima têm direito à meia entrada – Lei Federal 10.741/03 (Art. 23). Pessoas com deficiência – e seu acompanhante, quando necessário – Lei Federal 12.933/13 e Decreto Federal 8.537/15. Assim como menores de 21 anos (no estado do RJ pela lei estadual nº 3364 de 2000 e em BH pela lei municipal nº 9070 de 2005);

Em contrapartida, o benefício é estendido para professores e profissionais da rede pública de ensino. Como acontece no Rio de Janeiro – Leis Municipais n° 3.424/02, alterada pela Lei Municipal nº 5.844/15. Da mesma forma, também são beneficiários em São Paulo: professores, coordenadores pedagógicos, diretores, titulares de cargos do quadro de apoio das escolas e supervisores das redes municipal e estadual de SP. Sendo portanto, pela Lei Estadual n° 14.729/12 garantido, alterada pela Lei Estadual n°15.298/14;

Similarmente, também são beneficiadas algumas categorias que nem sempre são lembradas:

  • Doadores de sangue (registrados nos bancos de sangue dos hospitais estaduais, regulamentados por leis municipais. É ainda obrigatório que se confirme a condição de doador).
  • Jovens de baixa renda (com renda familiar mensal de até 2 salários mínimos). Para tanto, devem ser inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) – Lei Federal 12.933/13 e Decreto Federal 8.537/15.

Carteira de Estudante 2019

A partir de janeiro a Carteira de Estudante recebe uma nova identidade visual. De forma que seu visual e sua segurança tecnológica melhore. Sendo assim, ao pedir a Carteira de Estudante, sua validade é até março do ano seguinte!

X